Telefone: (65) 3301-2690
e-mail: vidaserenapremier@gmail.com

Como Tratar a Hepatite Alcoólica?

hepatite alcoólica

Como Tratar a Hepatite Alcoólica?

Pessoas que consomem álcool em excesso, têm um grande risco de desenvolver certas doenças, entre elas, a hepatite alcoólica.

Isso porque, o fígado é um dos órgãos mais afetados, pois é o responsável pela transformação do etanol contido nas bebidas alcóolicas.

Como é uma doença muitas vezes assintomática, quando os primeiros sintomas surgem, isso significa que está em estágio avançado, podendo provocar graves consequências à saúde.

Para evitar danos irreversíveis, até mesmo a necessidade de um transplante de fígado, o ideal é parar de consumir álcool, onde o tratamento para alcoolismo é a melhor solução.

Se você conhece alguém que faz uso abusivo de álcool, continue a leitura e entenda mais o que é essa doença do fígado e seus malefícios.

O que é hepatite alcoólica?

A hepatite alcoólica caracteriza-se por uma inflamação aguda do fígado, causada pelo consumo excessivo do álcool, presente de 10 a 30% dos casos de alcoolismo.

É uma doença caracterizada pelo desenvolvimento de lesões associadas à morte das células do fígado que afetam seu funcionamento.

As lesões podem ser agravadas de acordo com a quantidade de álcool consumida, assim como a frequência e o tempo de uso prolongado.

Quando o álcool é consumido, a maior parte é absorvida no tubo digestivo, e em seguida, metabolizada no fígado.

No momento que é metabolizado, substâncias maléficas são produzidas, as quais podem causar doenças, por exemplo, a cirrose hepática, câncer de fígado e hepatite.

Quais os tipos de hepatite causada pelo uso excessivo de álcool?

Existem duas formas de hepatite alcoólica:

  • Hepatite aguda: ocorre imediatamente após uma intoxicação alcoólica, e sua evolução pode ser gravíssima;
  • Hepatite crônica: se instala com o tempo em caso de consumo regular e em grandes quantidades de álcool, podendo levar a um quadro de cirrose, e com risco de morte a curto prazo.

Pacientes em tratamento para dependência química, muitas vezes apresentam hepatite, já que o fígado é o principal órgão afetado.

Quais os sintomas de hepatite alcoólica?

Existem casos em que a hepatite causada pelo álcool pode não apresentar qualquer sintoma, apenas em um estágio mais avançado.

Entre os principais sintomas de hepatite alcóolica, destacamos:

  • Icterícia: pele, olhos e algumas mucosas mais amareladas;
  • Ascite: aumento do volume do abdômen por causa de uma pressão excessiva das veias que levam sangue ao fígado;
  • Problemas neurológicos por causa do mal funcionamento do fígado.

Para evitar danos maiores, inclusive a necessidade de um transplante de fígado, é preciso parar de beber o mais rápido possível, sendo que a internação em uma clínica de recuperação voluntária  é a solução mais acertada.

Como é o tratamento para hepatite alcoólica?

A primeira fase do tratamento da hepatite alcoólica consiste na diminuição ou mesmo interromper totalmente o uso do álcool.

O objetivo é tratar a inflamação do fígado, a fim de não provocar maiores danos à saúde, já que o fígado é um órgão essencial para diversas funções no organismo.

Agora, no caso de uma dependência alcoólica, será necessário um tratamento mais incisivo, que geralmente é feito com a ajuda de uma equipe multidisciplinar, composta por médicos, psiquiatras, psicólogos…

 

Deixe um comentário